Serviço de atendimento ambulatorial aos pacientes dependentes químicos ou que fizeram uso abusivo de álcool ou outras drogas (cocaína, maconha, crack e outros). O atendimento é feito na unidade citada abaixo (Centro Mineiro de Toxicomania), de forma interdisciplinar (psiquiatria, psicoterapia e clínica médica).

Envolve também orientação e acompanhamento à família do paciente. O primeiro passo para o paciente é passar pelo serviço de acolhimento, no qual é avaliada a intensidade da relação do paciente com a droga/ álcool, os comprometimentos psíquicos e orgânicos sofridos e os danos sociais envolvidos (tais como o rompimento com os laços familiares, trabalho e escola). Para o acolhimento, o horário de atendimento é às 7h, de segunda a sexta-feira. Após esta avaliação, os pacientes poderão ser encaminhados, de acordo com cada caso, para os procedimentos mais adequados em setores da própria unidade de atendimento.

Há três formas de tratamento nesta unidade de atendimento: Intensivo - destinado aos pacientes que, em razão de seu quadro clínico atual, necessitem de acompanhamento diário. Semi-Intensivo - destinado aos pacientes que necessitem de acompanhamento frequente, fixado em seu projeto terapêutico, e que não precisem comparecer diariamente à unidade de atendimento. Não-Intensivo - destinado aos pacientes que necessitem de uma frequência menor, de acordo com o quadro clínico apresentado.

Documentos necessários:

Nenhum documento é necessário para a prestação deste serviço.

Valor:

Gratuito.

Locais onde o serviço é prestado:

Lista de Municípios
Lista de Locais Selecione a Unidade